Skip to content

75 | maior entretenimento se reestrutura

Julho 28, 2010

Após mais de um ano do seu lançamento e depois de pouco mais de seis meses do desligamento do seu primeiro presidente, Paulo Zotollo, a Maior Entretenimento, do Grupo ABC, reformula sua diretoria e anuncia para o mercado seu modelo de atuação.

Agora presidida por Sergio Waib, a Maior Entretenimento tem dois diretores com grande experiência na área, Coy Freitas, que será o responsável pela área de conteúdo e projetos e Paulo Octávio Almeida, diretor de operações.

Sergio Waib foi executivo de atendimento de várias agências e ­apresenta o programa Giro Business no qual recebe representantes da classe empresarial para entrevistas. Reconhecido pelo bom transito junto ao mercado anunciante, o executivo tem um perfil distinto do antigo presidente, pois possui um drive de vendas mais aguçado que o seu antecessor.

Já Coy Freitas possui um background ligado à área artística, tendo participado como curador de trabalhos de destaque como o Sónar Sound Nokia Trends, Planeta Terra, além do singular espetáculo que misturava a ópera “O Guarani” com música eletrônica realizado em 2007 e patrocinado pela Gol Linhas Aéreas.

Paulo Octávio já trabalhou em anunciantes como Unilever e foi sócio da CIE Brasil e da Dream Factory São Paulo, possui experiência na área de planejamento e também é conhecido no mercado anunciante.

Diferentemente da maior parte das empresas de entretenimento atuantes por aqui, a Maior Entretenimento está trabalhando com projetos focados na classe C, um público pouco explorado e que necessita de atenção especial tanto na curadoria do conteúdo quanto em aspectos ligados às necessidades específicas do target, assunto já abordado neste blog em um post de dois anos atrás.

A empresa será ainda uma espécie de incorporadora de eventos de todas as empresas ligadas ao Grupo ABC que também possuem conteúdos de entretenimento, como a B/Ferraz, a Tudo, a Luminosidade (SPFW), a ReUnion e a Brasil 1, escolhendo produtos-chave e levando ao mercado com uma roupagem adequada aos objetivos de maximização do potencial dos produtos, seja do ponto de vista da receita de bilheteria, de patrocínio ou de posicionamento.

A empresa ainda tem uma parceria com a Doria Associados, de João Dória Junior, pela qual realizará eventos focados em disseminação de conhecimento, em encontros semelhantes aos realizados pela HSM, que invariavelmente tem um tíquete médio alto e muito patrocinadores interessados na presença de suas marcas e produtos juntos a um público executivo de alta renda.

Um dos principais desafios da empresa continua sendo aquele do início da operação, e o mesmo da Dentsu, que é convencer os anunciantes a colocarem suas verbas em produtos de um grupo de comunicação que atende a concorrentes dos principais anunciantes e patrocinadores do Brasil. O patrocínio da Nestlé a vários conteúdos do Grupo ABC, como Beyoncé e Parada Disney podem indicar um início promissor nesta difícil empreitada.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: