Skip to content

85 | centro de convenções

Novembro 12, 2010

Dentre os diversos tipos de venues existentes, os centros de convenções são o que possuem o modelo de negócios mais simples e que exigem menos investimento se comparado a casas de shows, estádios e arenas multiuso emsua operação.

Este business não demanda recursos vultosos do gestor, uma vez que o espaço dedicado a convenções em geral já vem acomodado em outra venue, seja ele um hotel, um centro empresarial ou um prédio comercial, modelo no qual o responsável pela operação do espaço não necessita de investimento (CAPEX) para construí-lo, somente para operá-lo (OPEX), exigindo poucos recursos, desde que haja o mínimo de infraestrutura instalada (cozinha, equipamentos de som e imagem, etc).

O gestor do espaço consegue ainda trabalhar com custos fixos baixos, pois é possível manter o espaço com uma equipe fixa pequena, formada por gestores de diversas disciplinas, como comercial, operação e alimentos e bebidas. Nos dias de eventos a equipe passa a ser formada por um quadro variável de acordo com a demanda exigida em serviços como buffet, garçons, segurança e limpeza, todos eles pagos integralmente pelo contratante/locatário do centro.

Para o dono do espaço (hotel, centro empresarial ou prédio comercial) um centro de convenções serve mais do que para a conveniência para hóspedes, empresas ou inquilinos, sendo um atrativo para o imóvel que consegue agregar um número maior de serviços com margens maiores e com um valor do metro quadrado locável mais alto do que o de outros espaços do mesmo empreendimento, dando ainda ao espaço a possibilidade de instalar empresas e pessoas que jamais estariam no espaço se não houvesse o centro em questão.

A comercialização dos espaços é passiva, pois a demanda da locação e da necessidade dos espaços está nas mãos de clientes (agências, empresas, promotores de eventos) que definem a agenda de qual evento será realizada em qual espaço. O trabalho que a equipe de vendas realiza neste tipo de operação é o aprofundamento do relacionamento com os clientes em potencial para que o espaço seja lembrado no momento da escolha de uma venue. Outros pontos de foco são o atendimento pós-evento, onde se mostra que todas as necessidades foram atendidas e o prometido entregues, além da formulação de um portfólio com clientes e eventos de diversos portes realizados com sucesso, demonstrando a capacidade e a versatilidade do imóvel.

Em geral a remuneração do gestor terceirizado do espaço é um comissionamento com base na receita total gerada pelo espaço e pelos serviços agregados como a&b, segurança, limpeza, locação de equipamentos, entre outros, descontados os custos de operação.

Assim sendo, com algum expertise na área de operação, muitos profissionais de áreas como hotelaria e shopping centers podem se dedicar ao negócio de centros de convenções, pois este é análogo àqueles, exigindo pouca experiência incremental para o sucesso se comparado a outras operações de venues.

No comments yet

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: